Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Gestão de Riscos
Início do conteúdo da página

Gestão de Riscos

A Gestão de Riscos refere-se ao processo para administrar, identificar, avaliar,  e controlar potenciais eventos ou situações, e assim fornecer razoável certeza quanto ao alcance dos objetivos estratégicos da organização. 

Com a edição da Instrução Normativa nº 01 de 10 de maio de 2016 (Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão em conjunto com a Controladoria Geral da União), o Poder Executivo Federal passou a ter a necessidade de adotar medidas com vistas a gerenciar controles internos, gestão de riscos e governança em suas diversas instituições públicas. Com isso, a UFAM necessita implantar a gestão de riscos em sua estrutura, processos e cultura.

A gestão de riscos consiste numa nova forma de realizar os processos existentes. Risco é algum evento que pode ocorrer e prejudicar o alcance dos objetivos que a UFAM se propõe a atingir. Gerir esses riscos significa então identificá-los, avaliá-los e escolher o melhor tratamento (controle interno) para reduzi-los, assim a UFAM aumentará sua capacidade interna em alcançar seus objetivos e entregar seus serviços à sociedade (governança).

Diante disso, foi aprovada pelo CONSAD a Resolução nº 039/2017 que dispõe sobre a política de gestão de riscos. A política define conceitos, responsabilidades e diretrizes gerais acerca do gerenciamento de riscos na Universidade. Em decorrência disso, foi também publicada a portaria nº 2000/2017 que redefiniu os componentes do Comitê de Governança, Riscos e Controles formado pelos pró-reitores, pois é necessário o apoio da alta administração para implantar a cultura da gestão de riscos na UFAM.

A participação e colaboração de todas as unidades administrativas e acadêmicas da UFAM serão primordiais nesse processo.

Sugerimos, para conhecimento e aprofundamento, o curso "Gestão de Riscos no Setor Público" disponibilizado pela plataforma Escola Virtual do Governo (www.evg.gov.br) em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP).

 

Portarias:

 

Portaria GR nº 0674/2019 

Comitê de Governança, Integridade, Gestão de Riscos e Controles (alteração do Comitê de Governança, Riscos e Controles).

Portaria GR  2000/2017   Recomposição Comitê Governança Riscos e Controle.
Portaria GR  157/2017  Constitui o Comitê de Governança, Riscos e Controles.
Portaria CGU nº 910/2018  Metodologia de Gestão o de Riscos da CGU.
Portaria MEC nº 234/2018 Política de gestão de riscos e controles do Ministério da educação.

  

Materiais de Apoio:

 

Instrução Normativa Conjunta MP/CGU 2016 nº 01/2016.

Dispõe sobre controles internos, gestão de riscos e governança no âmbito do Poder Executivo federal.

Resolução CONSAD nº 039/2017 

Política de Gestão de Riscos da UFAM.

TCU - 10 Passos para a Gestão de Riscos Orientações objetivas aos responsáveis pela governança e gestão das organizações públicas.
TCU - Referencial Básico de Gestão de Riscos Orientações técnicas aos responsáveis pela governança e gestão das organizações públicas.
TCU - Gestão de Riscos - Avaliação da Maturidade - V2 O objetivo deste documento é apoiar os auditores a avaliar a maturidade da gestão de riscos das organizações públicas e a identificar os aspectos que necessitam ser aperfeiçoados.

MPDG - Matriz de Riscos 

Este guia tem o objetivo de apresentar a Matriz de Riscos, parte integrante da Metodologia de Gestão de Integridade, Riscos e Controles Internos da Gestão.

MPDG - Método de Priorização de Processos

O Método tem por finalidade classificar os processos da unidade visando estabelecer quais terão prioridade no levantamento e gerenciamento dos riscos e controles internos da gestão e os respectivos prazos.

MPDG - Manual de Gestão de Integridade, Riscos e Controles Internos da Gestão

O objetivo deste manual é apresentar a Metodologia de Gerenciamento de Integridade, Riscos e Controles Internos da Gestão do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fim do conteúdo da página